ESG
Escola Superior de Guerra

ESG realiza Seminário sobre Projetos Estratégicos de Defesa

A Escola Superior de Guerra (ESG) promoveu, por meio do Centro de Estudos Estratégicos (CEE) e do Laboratório de Segurança Internacional e Defesa Nacional (LABSDEN), o Seminário: "Projetos Estratégicos de Defesa: contribuições para a defesa nacional".

O evento foi realizado entre os dias cinco e sete de junho tendo como objetivo aprimorar os conhecimentos sobre a crise na segurança pública e os cenários sobre a Intervenção Federal no Rio de Janeiro. Entre seus minicursos, foram abordados os temas: "Políticas Públicas de Defesa" e "A nova política de segurança pública e seus impactos na defesa nacional".

A abertura do Seminário foi realizada pelo Subcomandante da ESG, Vice-Almirante Carlos Frederico Carneiro Primo, que agradeceu a presença dos professores doutores e dos participantes. Em suas palavras, o Almirante mencionou que para a Escola é sempre uma satisfação abrir as portas para debater um tema importante como a Defesa, uma vez que, existem várias vertentes sobre o assunto e há uma necessidade de se aprimorar sobre ele. "Não adianta o país ser extremamente armado se ele politicamente for fraco" completou o Subcomandante.

Na primeira palestra foi discutido o tema "Concepção Estratégica da FAB" onde os participantes puderam compreender o sistema de atuação da Força Aérea Brasileira (FAB) e suas perspectivas estratégicas. Na sequência, houve um debate sobre os Projetos Estratégicos, onde foi abordada a importância da Tecnologia na Estratégia de Defesa Nacional. Durante a tarde, foram apresentados os painéis sobre o Setor Aéreo Espacial e Ameaças Transnacionais.

Já no segundo dia, os palestrantes discorreram acerca das Políticas Públicas de Defesa e as Novas Ameaças. Os temas tiveram como objetivo expor o Programa Nuclear Brasileiro e a importância do setor administrativo para os militares na Academia da Força Aérea (AFA) e sua aplicação para os recém formados da FAB.

Por fim, foram discutidas as Operações de paz: o Projeto KC-390 e seus reflexos para o desenvolvimento e a projeção externa do Brasil; e Operações de paz de quarta geração. O Seminário foi encerrado pelo Capitão de Mar-e-Guerra RM1 Pedro Fonseca Júnior, representante da Divisão de Assuntos Econômicos (DAE) da ESG. O Comandante salientou a importância desse seminário na Escola, como sendo uma oportunidade dos acadêmicos exporem seus trabalhos e trocarem informações.