Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Disputa por recursos naturais e seus impactos geopolíticos é tema de workshop com Perry Center

Notícias

Disputa por recursos naturais e seus impactos geopolíticos é tema de workshop com Perry Center

No dia 27 de agosto, a Escola Superior de Guerra (ESG) promoveu o Workshop Internacional “Guerras por recursos e segurança mundial: a disputa pelo que resta”, em parceria com o William J. Perry Center, dos Estados Unidos. Na ocasião, o Professor Doutor Michael Klare, do Programa de Estudos em Paz e Segurança Internacional do Hampshire College, proferiu uma palestra por videoconferência.

Durante sua explanação, o Professor falou sobre a necessidade de recursos naturais pela sociedade e como a avaliação de quais recursos são vitais muda ao longo do tempo. “Lá atrás, as especiariais eram consideradas vitais e foram motive das grandes navegações. Hoje em dia, podemos comprá-las em qualquer supermercado”, observou.  A própria evolução tecnológica é um fator importante para modificar as necessidades de recursos. O petróleo, por exemplo, se tornou dominantemente vital.

Essa necessidade por um recurso específico acaba levando à sua exploração demasiada, que pode resultar no “Dilema de esgotamento”, tornando o material escasso e até mesmo provocando conflitos entre países para conseguir explorar suas reservas, o que pode causar grande efeitos na geopolítica. Durante a Primeira Guerra Mundial, o petróleo se destacou ao ganhar importância estratégica como combustível de instrumentos de Guerra.  Após a Guerra, as potências mundiais iniciaram uma busca pela aquisição do combustível, o que ajudou a desencadear a Segunda Guerra Mundial.  

O Professor também vislumbrou que mudanças podem ocorrer no cenário futuro devido a fatores como o rápido avanço tecnológico, mudanças climáticas, a regionalização da economia, ao contrário da globalização e os efeitos causados pela COVID-19. O aumento de pessoas trabalhando de casa ao invés do escritório, por exemplo, é um fator que vai alterar o uso de combustíveis energéticos e assim impactar na emissão de carbono.

Uma previsão realizada em 2019 demonstra que a demanda por energia renovável e gás natural tem um grande aumento em relação à mesma previsão feita em 2011. Para Michael, as disputas podem se modificar. Com o advento de fontes de energia renovável a necessidade por fontes não renováveis podem até desaparecer, da mesma forma que o uso de impressão 3D pode diminuir a necessidade de minerais não-renováveis e que o barateamento da dessalinização pode contribuir para a redução da disputa por reservas de água.

O evento foi acompanhado por integrantes da ESG, do William J. Perry Center e de instituições acadêmicas, e prestigiado pelo Comandante da ESG, Almirante de Esquadra Wladmilson Borges de Aguiar, pelo Subcomandante da Escola, Major Brigadeiro do Ar Leonidas de Araújo Medeiros Júnior, pelo Diretor do Campus Brasília da ESG, General de Divisão Carlos André Alcântara Leite, e pelo Diretor do William J. Perry Center, General Frederick S. Rudesheim.